2012/12/08 Cedofeita Tradicional

Foi feriado, 8 de dezembro, mas nem por isso a rua de Cedofeita deixou de ter lojas abertas e muita gente a passar. Quem por lá passou pôde ver mais um evento Cedofeita Viva: a celebração dos jogos tradicionais bem conhecidos em Portugal – a macaca, as corridas de sacos, damas… mas também de Cabo Verde. As pessoas foram convidadas a participar – crianças e graúdos. A ACECE garantiu refeições tradicionais a preços económicos. E não faltou a música: atuou o Rancho Típico de São Mamede, e os estudantes também dançaram.

2012/07/07 Cedofeita – Palco Liberal

Com o apoio do Cedofeita Viva realizou-se um percurso pedestre, com início às 15:30 junto à Praça de Carlos Alberto, coordenado pelo Dr. Jorge Pinto do projeto CHIP, sobre edifícios de valor histórico e patrimonial da rua de Cedofeita, e referindo o palco que foi esta rua no séc. XIX durante o cerco do Porto, entre julho de 1832 a agosto de 1833. Neste período as tropas liberais de D. Pedro estiveram sitiadas pelas forças realistas fiéis a D. Miguel. A resistência da cidade e de D. Pedro garantiu a vitória da causa liberal em Portugal. Na apresentação intervieram estudantes do ISCET integrados no CHIP, e ainda o Prof. Eugénio dos Santos. O percurso foi seguido pelo Rancho Folclórico do Porto, que cantou canções oitocentistas, trajando à época, e terminando com a “Maria da Fonte” no auditório do ISCET.

O projeto Cedofeita Viva

Jose_Magano_2
O Cedofeita Viva foi criado em 2012, no âmbito da licenciatura em Marketing e Publicidade do ISCET – Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo, como projeto de intervenção comunitária. Os estudantes do ISCET são desde então envolvidos muito ativamente na programação e execução de ações que visam contribuir para a dinamização da comunidade envolvente – Cedofeita -, nomeadamente no plano cultural, social, comercial, de animação e lazer, e de valorização do património edificado e histórico. Com este propósito têm sido realizadas exposições, eventos e estudos, que têm contado com parcerias e apoios de pessoas e entidades que aderem a estas iniciativas, encorajadas pelo impacto positivo e pelo caráter inclusivo do projeto, de que se destacam a ACECE – Associação dos Empresários e Comerciantes de Cedofeita, e a Câmara Municipal do Porto.
O sucesso do projeto depende sobretudo da participação empenhada e voluntária das pessoas – promotores, equipa, participantes nos eventos e público em geral. O resultado esperado é que Cedofeita recupere gradualmente o dinamismo de outros tempos, atraindo novos públicos e novos negócios, e projetando uma nova dimensão comunitária, social e cultural.
Neste website encontrará registos da nossa atividade e programação, que atualizamos regularmente. Poderá também seguir-nos no Facebook.

José Magano
Coordenador
iscet_120px_cinza

Página 10 de 10« Primeira...678910